sábado, 24 de setembro de 2011

SIMULAÇÃO DE OCORRÊNCIA

Acabei de ler no Estadão a notícia de que neste sábado a milícia paulista fará um exercício de simulação de ocorrência policial contando com a participação de PMs do 23BPM/M, no bairro de Perdizes. Como logo ali ao lado, na Itapicuru tem uma delegacia de polícia e na Homem de Melo/Cardoso de Almeida, uma agência bancária, podiam simular o estouro de caixa eletrônico e ensinar a população como se salvar desse tipo de situação.Ou, talvez, menos violenta e muito mais eficaz, a obtenção de cartão com os dados do "chip", através de colaboração criminosa de funcionários de banco, para se conseguir limpar a conta bancária de alguém... Só precisa ser tudo muito bem combinado no sincronismo, porque pode acontecer de o correntista provar que estava bem longe desse bairro e aí... bem,foi só uma sugestão. Boa sorte a todos!
Sandra Paulino e Silva
________________________________________________________

A Polícia Militar vai realizar neste domingo, 25, na área do Shopping Villa Lobos, zona oeste de São Paulo, um exercício simulado de ocorrência policial. Além dos policiais militares do 23º Batalhão (zona oeste), também participam da ação policiais do Corpo de Bombeiros.


O exercício faz parte de uma divulgação à comunidade local sobre os diversos serviços da Polícia Militar e as dificuldades a eles inerentes, mostrando também como o efetivo está sendo preparado para eventos futuros de grande porte, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas.
O simulado está programado para começar às 7h, e vai simular uma ocorrência de roubo praticada por ex-funcionários de uma empresa, descontentes com suas demissões. Durante a ocorrência poderão ser feitos reféns, bem como poderá haver incêndio e explosões.

Um comentário:

Anônimo disse...

Dra. Publique no seu blog o destaque do jornal “ÚLTIMA HORA”, edição de 19 de setembro de 1968 – (a sra. provavelmente estava na escolinha)

EXAMES EM DINOTOS CONFIRMAM TORTURAS.

Exames de corpo de delito que ontem deram entrada na Corregedoria dos Presídios e da Polícia Judiciária comprovam que pelo menos três dos terroristas ora recolhidos ao DOPS, foram torturados pela Polícia. São eles: ALADINO FÉLIX, o SÁBADO DINOTOS; GREGÓRIO CUCHERAVIA, o ICA e o soldado da FORÇA PÚBLICA, JESSE CÂNDIDO DE MORAIS. O laudo é assinado pelos médicos legistas OSVALDO SALZANO e ABLARDE DE QUEIROZ, tendo sido remetido ao Fórum pelo sr. VANDERICO DE ARRUDA MORAIS, titular da Delegacia Especializada de Ordem Social. O CHEFE da célula terrorista ALADINO FÉLIX alegou ter sido torturado no DEIC, sofrendo choques elétricos no anus, uretra, ouvidos e ter sido submetido ao suplício do “pau-de-arara”. Alega ainda que teve um dente fraturado e sente dores lombares e na face anterior do tórax. Além de caïmbras nas pernas e dormência no polegar da mão direita. Teve também a audição diminuída e sofreu trauma nervoso. CUCHERAVIA e JESSE sofreram torturas semelhantes.

Quem sabe a comissão da verdade não apura isso?

Volta logo, tá fazendo falta!

Arquivo do blog

A PM DEFENDE OS PM?

Quem sou eu