quarta-feira, 13 de novembro de 2013

COMANDANTE GERAL ACUSA FALSAMENTE DOIS PMS EM CORRESPONDÊNCIA A UM SENADOR DA REPÚBLICA



De: Sen. Eduardo Suplicy [mailto:esuplicy@senado.gov.br]
Enviada em: quarta-feira, 6 de novembro de 2013 21:16
Para: brmeira@policiamilitar.sp.gov.br
Cc: fernandogrella@sp.gov.br; vinganca500@gmail.com
Assunto: RES: Senador Suplicy

A Sua Excelência o Senhor Cel. PM
Benedito Roberto Meira
Comandante-Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo
Prezado Comandante da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Benedito Roberto Meira:
Conforme procurei lhe dizer por telefone, fiquei surpreendido com a sua mensagem. Após agradecer a minha presença no Mausoléu do Araçá, no Dia de Finados, Vossa Excelência informa ter tomado a decisão de demitir o  Soldado da PM Hudson José Bittencourt Minin, sem que o mesmo tenha tido a oportunidade de explicar devidamente que as denúncias feitas a respeito dele não são verdadeiras. Informou o Soldado Hudson que, dos inquéritos citados na sua comunicação, o único do qual ele tinha ciência até hoje era o de nº. 5 BPRv- 014/06/10. Justamente sobre esse, ele solicitou a oportunidade de esclarecer todos os fatos ocorridos, uma vez que 14 mídias, ou CDs, gravados durante as sessões onde ocorreram o cerceamento da defesa, desapareceram do processo. Segundo o Cabo Washington, isso foi feito a mando do Tenente Eber. Sobre os demais inquéritos, em nenhum momento, até hoje, o Soldado Hudson havia sido citado e, portanto, não tinha tomado conhecimento dos mesmos. Ao contrário do que foi mencionado, o Soldado Hudson sempre que soube de fato irregular nos procedimentos da PM, procurou transmiti-los aos seus superiores. Ao invés de verificar que eles passassem a ser investigados, ele próprio se viu perseguido na corporação.
Assim, venho transmitir um apelo ao Secretário Fernando Grella Vieira e ao Comandante da PM do Estado de São Paulo, Benedito Roberto Meira, que reconsidere a sua decisão de demitir o Soldado Hudson até que ele possa pessoalmente transmitir ao Senhor todos os esclarecimentos. Coloco-me à disposição de acompanhá-lo em horário a combinar, de comum acordo, possivelmente nesta sexta-feira, em seu gabinete.
Respeitosamente,
Senador Eduardo Matarazzo Suplicy
Tomo a liberdade de encaminhar cópia desta mensagem ao Secretário Fernando Grella Vieira e à advogada Dra. Sandra Paulino, a qual também vem sendo objeto de ameaças de algumas pessoas por ter oferecido seus serviços para defender membros da PM que se caracterizam por não aceitar procedimentos irregulares.





De: Benedito Roberto Meira [mailto:brmeira@policiamilitar.sp.gov.br]
Enviada em: quarta-feira, 6 de novembro de 2013 15:40
Para: Sen. Eduardo Suplicy
Cc: Fernando Grella Vieira
Assunto: Enc: Senador Suplicy

Prezado e Excelentíssimo Senador Eduardo Suplicy

Em primeiro lugar gostaria de agradecer a sua presença no dia de finados, em razão da homenagem que prestamos aos heróis da PM que morreram em defesa da sociedade e no cumprimento do dever.
Quanto ao pleito de V.Excia no tocante aos casos em que a Advogada Sandra Paulino vem atuando em defesa de policiais militares, esclareço o seguinte:

1-  Casos em andamento:

1.1  2º Sgt PM 923066-1 Josinaldo PEREIRA de Souza:

      Inquérito Policial Militar Nº 5ºBPRv-007/06/12:  CONCUSSÃO
Por ter exigido R$ 400,00 ao Sr Emerson ao constatar que os pneus de seu caminhão estavam em péssimo estado de conservação. O que não foi aceito pelo civil, sendo assim lavradas multas e recolha de documentação.
Na mesma operação exigiu R$ 100,00 do Sr Jorge, num primeiro momento, diminuindo para R$ 50,00, pelo seu caminhão apresentar-se com tarjeta da placa em desacordo com as normas. Para evitar a denúncia por parte do civil, ordenou que outro policial devolve-se a documentação retida sem a devida regularização.
      Conselho de Disciplina Nº 5ºBPRv-005/06/13 : refere-se ao processo regular ao qual o policial militar responde e objetiva apurar se o mesmo reune condições de permanecer na Corporação diante da falta grave que é acusado. O CD está em andamento (início em 25SET13) e em breve será solucionado.
1.2 Sd PM 116746-A HUDSON José Bittencourt Minin:
    Inquérito Policial Militar Nº 5ºBPRv-014/06/10:  PREVARICAÇÃO
Por ter elaborado Boletim de Ocorrência de Trânsito Rodoviário SEM VÍTIMAS envolvendo 02 veículos, quando deveria ter elaborado Boletim de Ocorrência de Trânsito Rodoviário COM 04 VÍTIMAS envolvendo 03 veículos, deixando de constar um veículo onde o condutor deste apresentava exame médico vencido da CNH, além de constar dados incorretos das CNH apresentadas.
    Inquérito Policial Militar PM Nº 5ºBPRv-026/06/11: CORRUPÇÃO PASSIVA E PREVARICAÇÃO
Por ter auxiliado na liberação de veículos irregulares em outras duas ocasiões, recebendo vantagem indevida para isto, quando da fiscalização por outros policiais.
    Inquérito Policial Militar Nº 5ºBPRv-008/06/13:  DIFAMAÇÃO
Por ter registrado denúncia na CORREG PM com conteúdo aviltante, objetivando imputar fato ofensivo à reputação de Oficial PM.
     Inquérito Policial Militar Nº 5ºBPRv-016/06/13:  VIOLAÇÃO DE SEGREDO PROFISSIONAL
Por ter fornecido documentos internos da Corporação, expondo dados de pessoais de policiais militares, à Dra Sandra Paulino, sua advogada, que os publicou em um BLOG.
     Processo Administrativo Disciplinar Nº5ºBPRv-001/06/12: Ref. ao IPM Nº 5ºBPRv-014/06/10. Estou assinando hoje a demissão do policial por ter sido comprovada a falta grave da qual foi acusado.
     Processo Administrativo Disciplinar Nº 5ºBPRv-003/06/13: Ref. ao IPM Nº 5ºBPRv-026/06/11. Ainda em andamento
Obs: em anexo cópia de um ofício que esclarece os Mandados de Segurança impetrados pela Advogada Sandra Paulino
Atenciosamente
----- Repassado por Benedito Roberto Meira/CO/PMESP/BR em 06/11/2013 13:54 -----

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

A PM DEFENDE OS PM?

Quem sou eu