segunda-feira, 15 de março de 2010

ADVOGADOS MENTIROSOS!

http://noticias.r7.com/sao-paulo/noticias/policia-federal-diz-que-suspeito-de-matar-glauco-confessou-o-crime-20100315.html
Carlos Eduardo Sunfeld Nunes, o Cadu, foi preso no final da noite do domingo (14) em Foz do IguaçuA Polícia Federal informou ao R7 que Carlos Eduardo Sunfeld Nunes, o Cadu, suspeito de matar o cartunista Glauco e seu filho Raoni, confessou o crime no momento da prisão em Foz do Iguaçu, no Paraná, na noite de domingo (14). De acordo com o agente da Polícia Federal, Arlindo Álvares Padilha Junior, Cadu ainda disse que a arma que feriu o policial na troca de tiros na hora da prisão foi a mesma usada para matar Glauco e Raoni. Carlos Eduardo Sunfeld Nunes foi detido por volta das 23h30 na ponte da Amizade, quando tentava entrar no Paraguai. Ainda segundo Padilha, Cadu confessou que tentava fugir para o Paraguai porque estava sendo procurado pela polícia. Ele está preso na delegacia da Polícia Federal e vai ficar à disposição da Justiça Federal de Foz do Iguaçu, onde deve responder por tentativa de homicídio em função da troca de tiros com o policial. Ainda não há informações sobre quando Cadu deve ir para São Paulo.
____________________________________________________________________
Como? ninguém vai falar sobre MENTIRA? Há, na morte trágica do cartunista Glauco e de seu filho Raoni, ambos mortos pelo estudante Carlos Eduardo Sundfeld Nunes, vários pontos cegos... independentemente daquele ÚNICO, até agora apontado apenas contra o assassino, que é o motivo pelo qual matou!
Ele estava doidão? matou sem saber muito bem o que fazia? hum... não creio.

Segundo relatos da imprensa, ao menos uma pessoa, aguardava o assassino no carro.
Era um “amigo” mas podia ser que estivessem no veículo 'amigos', no plural.
Quem garante que sim? Quem, garante que não?
Tem muita coisa não explicada e várias versões mentirosas...
Mentiras orquestradas para esconder o quê exatamente? Algumas contadas por ADVOGADO!

Aliás, dentre as mentiras todas, contadas-recontadas-rearrumadas, sobressai uma que é inegável: se o assassino estava em pleno surto, SEU AMIGO OU SEUS AMIGOS TAMBÉM ESTAVAM?

Se SUNDFELD era amigo da família, por quê invadiu o local armado?
Por quê pegou a enteada de GLAUCO com violência, à porta de casa, obrigando-a a abrir o portão e a casa? O relato da moça é totalmente verossímel, dado à Record e exibido ontem à noite, no programa Domingo Espetacular.

Disse essa vítima -- e nisso foi apoiada pela fala de outros membros da “igreja” fundada por GLAUCO -- que o assassino é usuário de drogas, o que a própria folha de antecedentes do mesmo atesta.

Pois bem! Cabem perguntas básicas:
Vive do quê esse drogado?
Trabalha?
Estuda?
Mora com quem?
Onde?
Quem são seus amigos?
Sua turma?
Os que com ele se relacionam (além desse tal IASI, parente de políticos muito influentes na Grande São Paulo, um pouco além de OSASCO) são todos capazes de emprestar auxílio a assassinatos? sim, porque foi isso que o rapazinho, dono do carro que deu fuga ao matador fez: ajudou a fugir. Em direito penal, conforme o caso essa conduta se chama FAVORECIMENTO REAL. E também pode ser que a situação se complicasse, SE NÃO TIVESSE ALGUM FAVORECIMENTO DE OUTRO TIPO, não esse que se vê expressamente na lei. É que o delegado já admite que o rapaz que ajudou o assassino, pode ser "apenas" mais uma vítima...
Claro: ele deve ter dirigido o tempo todo sob mira de pistola, empunhada por seu "amigo" e ao chegar à casa de GLAUCO e ver o "amigo" tomar a enteada de assalto, continuou com medo do agressor e nem se mexeu. Mais estranho ainda é que, depois de ter dado fuga ao criminoso, esse bom moço, o IASI, ainda esperou passar o período de horas necessário à quebra daquelas 24 que são exigíveis para caracterização de flagrante delito ou estado flagrancial e mandou avisar por seus ADVOGADOS, que iria se entregar às autoridades. Bem, agora, depois de se avistar com policiais e advogados (de novo!) ele já é possível vítima do assassino...
Aliás, chega de testemunhas...Voltemos ao assassino:
Qual o tratamento efetivo que já fez para se recuperar e ficar livre de dependência química?
É um perigo à solta?
De onde vem a arma do crime?
Sabendo que ele foi preso ontem à noite, em Foz do Iguaçu, tentando sair do país, e que na circunstância estava de novo armado (não se sabe se é a mesma arma do crime que fez tombar pai e filho, embora na notícia conste que ele assim admitiu, mas a sua palavra não deve ter crédito) e QUE REAGIU, DE DENTRO DE UM CARRO ROUBADO, ATINGINDO UM POLICIAL, a coisa fica um pouco mais complicada, porque o grau de atrevimento do sujeito se compara ao de bandidos, mais, digamos, 'experientes'.

O delegado Archimedes Cassão Veras, o mesmo que recebe o tal de IASI como suposta vítima, conjecturava que o homicida estava (ainda) na Grande São Paulo, mas ele já tinha rodado até a divisa do Brasil com Paraguai... Tirocínio policial de baixíssima avaliação...

A versão dada pelo advogado Ricardo Handro atende a quais interesses? Da viúva por certo é que não é, dado que ela própria e sua filha (enteada de GLAUCO) o desmentiu de público e para a imprensa, gerando mal-estar incontornável.

Handro disse que GLAUCO e seu filho RAONI foram vítimas de bandidos que pareciam drogados.
A VERSÃO, ESTÁ, SEM DÚVIDA ALGUMA, COLABORANDO PARA A IMPUNIDADE DO ASSASSINO.

Faz lembrar a história de outra ADVOGADA, a tal de Paula, que mentiu na Suiça inculpando integrantes de um partido político radical, que não quer estrangeiros trabalhando no país, e nisso devem ter lá alguma razão, pois Paula é estrangeira e tomava espaço dos nativos. TRABALHAVA NA SUIÇA, porque depois das mentiras que contou e se fazendo de doida, acabou expulsa. Foi embora levando na bagagem a história de violência segregacionista, ajuntando aborto de gêmeos, pré-arquitetado com exibição de barriga grávida na internete, via orkut com amigos, mais as declarações de felicidade com o namorado. Será que depois de todo o apoio recebido mundialmente, ela pretendia uma indenizaçãozinha do governo suíço? Mas isso é somente ilustração, voltemos aos ADVOGADOS MENTIROSOS.

Do advogado que se autoentitula “da família” (por quê será que a família de GLAUCO tem um advogado?) tem registro na internete de entrevista na mídia apenas horas depois da tragédia, contando mentira sobre mentira e agora ninguém nem fala sobre isso... Por quê será que ninguém fala?
Vamos lançar algumas conjecturas para “ajudar a pensar”:

- Porque ele estaria tentando ajudar GLAUCO e seu filho RAONI, já que mesmo morto, GLAUCO tem uma imagem a ser preservada?

- Porque sua versão mentirosa ajudaria a família de duas vítimas? Não sendo alvo talvez de maiores questionamentos, jogando tudo em cima da “violência” indiscriminada e “anônima” por conveniência do caso?

- Porque ele estaria protegendo o assassino?

Chama muito a atenção o fato de que a liberdade de imprensa não significa maquiar a mentira para que ela pareça verdade.
Enquanto muitos, inclusive na imprensa, propagam a mentira de que o culto ao daime é manifestação cristã, é preciso corrigir a distorção e declarar que só é CRISTÃO o que estiver escrito na Bíblia.
Sabe-se, não por boatos mas por registros HISTÓRICOS, com direito à fontes e o que mais for exigível nesses casos, que a Inquisição fez o que fez, produzindo horrores inenarráveis à espécie humana, " DIZENDO-SE" baseada em ‘doutrina cristã’.
É preciso ter coragem para fazer certas correções: SÓ É DE FATO CRISTÃ, A DOUTRINA COMPROVADAMENTE ALICERÇADA NA BÍBLIA.

E na bíblia (inclusive nas versões "on line" da internete, para os que não tem prática nem hábito de sua leitura) não constam cerimônias de uso de plantas alucinógenas, misturadas ou não com rituais indígenas e uso de maconha. Há algumas tribos que até mascam a folha da coca, que como se sabe, é base da cocaína.

GLAUCO se dizia livre do vício de cheirar graças ao uso do chá...
O que eu sei é que a prática cristã, é que, como o nome diz, prescreve PRATICAR O QUE CRISTO ENSINOU. Ele expulsou demônios e ensinou a orar, além de dar exemplo, de si mesmo!

E a OAB? O que fará? Principalmente em se considerando a repercussão NEGATIVA do caso? Será que vai aplicar alguma sanção prévia contra o ADVOGADO? Ou ele terá direito à se defender? Isso SE sofrer algum processo...

Sandra Paulino - OAB/SP 80955
SUSPENSA PREVENTIVAMENTE PELO IV TED DA OAB/SP POR 90 DIAS, SEM DIREITO SEQUER À INTIMAÇÃO PRÉVIA, DEPOIS VINDO A SABER QUE O FATO DE TER CHAMADO, DENTRO DE UMA SALA RESERVADA DO QUARTEL DO COMANDO DE POLICIAMENTO METROPOLITANO DA POLÍCIA MILITAR DE SÃO PAULO, UM CAPITÃO DE COVARDE E UM TENENTE CORONEL DE CHEFE DE QUADRILHA, TINHA REPERCUTIDO MAL PUBLICAMENTE
.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

A PM DEFENDE OS PM?

Quem sou eu