terça-feira, 6 de janeiro de 2015

MORREU NA CONTRAMÃO ATRAPALHANDO O TRÂNSITO




2015 - O "ANO NOVO"

AINDA NÃO TEM UMA SEMANA E...

SERÁ NOVO?


OU APENAS MAIS, MUITO MAIS, DO MESMO?







A FALTA DE PREPARO É TOTAL!

ALGUÉM DUVIDA?

ANTES DE MAIS NADA, VEJAMOS A CENA DO "CRIME":


1. UM SIMPLES "SUSPEITO" QUE TERIA RECEBIDO ORDEM DE PARADA

2. UM MOTOQUEIRO CONTRA UMA EQUIPE INTEIRA DE ROCAM (RONDAS OSTENSIVAS COM APOIO DE MOTOCICLISTAS)

3. UMA VIA DE TRÂNSITO RÁPIDO E DE FLUIDEZ INTENSA;

4. TODOS TRAFEGANDO NA CONTRAMÃO ÀS 6 DA TARDE...

CONCLUSÃO ÓBVIA: SERÁ UM GRAVE ACIDENTE? OU IRRESPONSABILIDADE SEM LIMITES? POR QUÊ AFINAL, OS POLICIAIS SAEM EM PERSEGUIÇÃO A UM "SUSPEITO" QUE TRAFEGA NA CONTRAMÃO DE DIREÇÃO, SABENDO QUE ISSO É ERRADO? ALÉM DE SER INFRAÇÃO GRAVÍSSIMA DA LEI DE TRÂNSITO? PORQUE É "POLÍCIA"! AH, CLARO, AÍ JUSTIFICA? NÃO É CRIME? POR ISSO QUE AS ESTATÍSTICAS MOSTRAM QUE O MAIOR ÍNDICE DE PERDAS HUMANAS DENTRO DA CORPORAÇÃO, É DE ACIDENTES DE TRÂNSITO.


DO QUE SE CONHECE MUITO SUPERFICIALMENTE, O SUSPEITO PILOTAVA UMA MOTO DE 150 CILINDRADAS, FOI CERCADO POR PMS E PARA SE LIVRAR DESTES, ENTROU NA PISTA EXPRESSA DA MARGINAL PINHEIROS,  E "FUGIU" PELA CONTRAMÃO.

DEPOIS DE LONGO PERCURSO, COLIDIU COM O QUE ENCONTROU PELA FRENTE: OUTRO MOTOQUEIRO, UM CARRO E ACABOU MORTO.

AGORA, TODA A CULPA DO CRIME RECAIRÁ OBRIGATORIAMENTE NELE, PORQUE MORTO NÃO FALA. 


DE CAPACETE E VESTIDO NÃO DÁ PRA VER MUITA COISA, NEM A CARA, MAS SERÁ QUE USAVA LUVAS? PROVAVELMENTE NÃO.


A MOTO TINHA "PINTA" DE MOTO DE BOY? PROVAVELMENTE NÃO... 150CC?

E AS MÃOS DO SUSPEITO?

A POLÍCIA MILITAR DIVULGOU DE FORMA MALDOSA E INJUSTIFICÁVEL, QUE A MOTO ERA "ROUBADA".

TUDO ISSO SEM AO MENOS UMA CHECAGEM MÍNIMA E AQUILO QUE CHAMAM DE IMPRENSA PASSOU A TRANSMITIR:


A MOTO É ROUBADA! LADRÃO É PERSEGUIDO NA MARGINAL PINHEIROS! MORREU!





SEGUNDO A EMISSORA RECORDISTA EM INUTILIDADES E ACUSAÇÕES ABSURDAS O MOTOQUEIRO ERA UM BANDIDO!




SEGUNDO OUTRA EMISSORA QUE TEM BANDIDO ATÉ NO NOME E O NARRADOR CHAMA TUDO DE "VELHO", LEVIANO, DESPEJA INFORMAÇÕES FALSAS DIZENDO QUE "...O BANDIDO NÃO RESISTIU, MORREU! MAS ANTES DE MORRER ELE FEZ UM ESTRAGO TERRÍVEL - ESTRAGO TERRÍVEL... ENTROU NA CONTRAMÃO, BATEU EM CERCA DE 10 MOTOS..."

CHAMADA EM TEMPO REAL DESTACA:

"DE ACORDO COM HAMILTON, DURANTE A PERSEGUIÇÃO O BANDIDO QUE PILOTAVA A MOTO..." (narração dá-pena, informada pelo cobandante abilton)



ÓTIMO! PODEMOS TODOS FESTEJAR, LADRÃO BOM É LADRÃO MORTO!!! CERTO?

ERRADO!

O "SUSPEITO" ERA UM VIGILANTE QUE TRABALHAVA NO BROOKLIN E POSSIVELMENTE, SEGUNDO APURAÇÕES QUE SÓ ESTÃO SENDO FEITAS AGORA, ENTROU NA CONTRAMÃO PARA NÃO TER A MOTO APREENDIDA PORQUE ESTAVA EM DEBITO COM O IPVA...

E AGORA?

O SUSPEITO ESTÁ MORTO, NÃO MAIS IMPORTAM "RAZÕES" DO DESPREPARO DA SEGURANÇA PÚBLICA... MAS TALVEZ O GOVERNO DO ESTADO LANCE SEU NOME NO ROL DOS CULPADOS!!! AFINAL ELE ESTAVA DEVENDO O IPVA E NÃO OBEDECEU A ORDEM DE PARAR...

E PARA ARREDONDAR AINDA MAIS A OCORRÊNCIA TRANSMITIDA POR GENTE NÃO ISENTA, A EMISSORA MAIS DESQUALIFICADA E DETESTADA NO PAIS, RECLAMA QUE O CONGESTIONAMENTO É ENORME POR CAUSA DA INTERDIÇÃO.



NO SITE, É A ÚNICA QUE ESCLARECE QUE A MOTO NÃO ERA ROUBADA, LOGO, O "SUSPEITO" NÃO ERA BANDIDO...

06/01/2015 22h19 - Atualizado em 06/01/2015 22h34

Morto na contramão da Marginal estava com IPVA vencido, diz PM

Ele fugiu de bloqueio, invadiu a pista expressa e bateu em outros veículos.
Polícia investiga se problema na documentação do vigilante motivou fuga.

Roney DomingosDo G1 São Paulo
O motocilista que morreu na contramão da Marginal Pinheiros após fugir de um bloqueio da Polícia Militar na Avenida Jornalista Roberto Marinho, na tarde desta terça-feira (6), era vigilante e trabalhava em um prédio no Brooklin, na Zona Sul de São Paulo. Segundo a PM, ele estava com o IPVA da moto vencido, o que pode ter motivado a fuga.  
A perseguição policial terminou em um grave acidente na pista expressa da Marginal Pinheiros, na altura da Ponte Cidade Jardim, sentido Interlagos. O motociclista colidiu com outras duas motos e um carro. Outras três pessoas ficaram feridas.

A polícia ainda investiga os motivos da fuga, mas uma das hipóteses é de que o homem tenha desobedecido a ordem de parada por causa da falta de pagamento do imposto. "Pode ser isso", afirmou o tenente Davi Carlos Queiroz. Ele disse que a PM faria uma varredura no trajeto da fuga para ver se encontra mais indícios. O tenente contou que o motociclista que morreu não tem antecedentes criminais.

A pista foi totalmente bloqueada às 18h50 porque o helicóptero Águia precisou pousar para fazer o resgate de uma das vítimas, que estava em estado grave. Ele foi levado ao Hospital das Clínicas. Outro ferido recebe atendimento no Hospital Universitário. A terceira vítima recebeu atendimento no local e foi liberada.
Perseguição
O tenente Queiroz informou que os policiais da Rocam iniciaram a perseguição depois que o motociclista não obedeceu a uma ordem de parada e fugiu pela Ponte Octavio Frias de Oliveira, conhecida como ponte estaiada.
"A equipe de policiais verificou a atitude suspeita, iniciou a abordagem, ele se evadiu, foi dada voz de parada, ele mesmo assim continuou a fuga na (Avenida) Roberto Marinho e acessou a Marginal Pinheiros na faixa expressa na contramão", contou. Segundo ele, os policiais usaram o canteiro central da Marginal Pinheiros para perseguir o fugitivo.
A PM chegou a informar que a perseguição teve início depois de a moto ter sido roubada na Avenida Cidade Jardim, também na Zona Sul de São Paulo. Depois, a informação foi corrigida. "Não há nada no nosso sistema se [a moto] é produto de roubo", disse o tenente.
Colisão
O acidente ocorreu por volta das 18h20. Segundo a PM, o motociclista trafegou na contramão da altura da Avenida Roberto Marinho até a Ponte Cidade Jardim, onde colidiu com as motos e carros que trafegavam no sentido correto. Marisa Costa, motorista que teve o seu veículo atingido pela moto, disse que tudo aconteceu muito rápido. "Só vi o motoqueiro na contramão vindo de frente", declarou.

"A gente vinha no fluxo da Marginal e o cara vinha na contramão em uma moto 150 cilindradas preta. Estava todo mundo a 90 km, 100 km por hora. Não tinha como desviar. O cara que ficou em estado mais grave estava na minha frente. Eu consegui parar, mas veio um monte de gente atrás de mim e foi batendo. Parecia cena de filme. Ele bateu de frente com ele", disse o motociclista Manoel Brito.
BENVINDOS AO COTIDIANO INFERNO DA VIDA DOS PAULISTANOS, SENHORES SECRETÁRIO, DGP E CMT G: ESSA É A FACE HORRENDA DA PM, A POLÍCIA QUE MAIS MATA GENTE POBRE, PRETA E BANDIDA; GENTE QUE FOGE PELA CONTRAMÃO PARA TENTAR LIVRAR O BEM MAIS PRECIOSO QUE TEM: A MOTO COM QUE CHEGA E SAI DO TRABALHO, DE VOLTA PARA CASA. GENTE QUE GANHA TÃO BEM, MAS TÃO BEM, QUE NÃO PAGA NEM O IPVA. GENTE QUE AFINAL, MORRE NA CONTRAMÃO ATRAPALHANDO O TRÂNSITO.



Sandra Paulino

ARTIGO EDITADO EM 7 DE JANEIRO - 19,19 HS



CORONEL MEIRA SE DESPEDE - JÁ VAI TARDE!

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Mensagem de despedida do Comandante Geral, Cel PM Benedito Roberto Meira

Cel PM Benedito Roberto Meira


Meus Prezados Policiais Militares 


Hoje encerro meu comando a frente da melhor e maior Corporação Policial Militar do Brasil
Foram mais de dois anos superando crises, defendendo ataques injustos de toda ordem contra nossa Instituição, por outro lado, muito orgulhoso das inúmeras ações positivas proporcionadas pelos valorosos Policiais Militares nos mais de 645 municípios de nosso Estado.
A Polícia Militar atende diariamente mais de 150 mil ligações em todo estado de São Paulo, isso demonstra que a sociedade acredita e confia na nossa Polícia. 
A Polícia Militar realiza uma infinidade de intervenções, abordagens de pessoas em atitude suspeita, prisões, apreensões de armas de fogo, de drogas, recuperação de veículos roubados ou furtados, mas isso nem sempre é suficiente pra convencer o quanto é importante e imprescindível o trabalho dos policiais militares que trabalham diurturnamente nas ruas, todos os dias, com sol ou chuva, arriscando suas vidas em defesa do cidadão.
Quero agradecer a cada Policial Militar, independentemente onde trabalha, pelo apoio incondicional, dedicação e comprometimento com nossa Corporação
Aos nossos Heróis que foram para o oriente eterno, que sacrificaram suas vidas em defesa da sociedade, meu fraterno abraço de irmão de farda e companheiro de luta
Acertamos muito mais do que erramos.
Quando fazemos é obrigação, quando erramos somos incompetentes
Finalizando, peço apoio ao nosso novo Comandante Geral, Coronel Gambaroni, pessoa íntegra e capacitada, que sem sombra de dúvidas vai nos representar e honrar com muita dignidade a nossa amada Polícia Militar.
Missão Cumprida 

Benedito Roberto Meira
Coronel PM 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

A PM DEFENDE OS PM?

Quem sou eu