sexta-feira, 31 de outubro de 2008

SENADO - HISTÓRIA E REVANCHISMO

Segundo o noticiário, o Senado Federal inaugurou, solenemente, uma espéciede galeria para perpetuar a história da "Ditadura Militar" (sic). Mas,segundo a mesma reportagem sobre a referida inauguração, ela se restringiuà exposição de fotografias sobre os ditos perseguidos e torturados daquelaépoca, porque "defendiam a Democracia" no Brasil. Nem uma única noticia,por exemplo, sobre o atentado à bomba contra o AEROPORTO DE GUARARAPES,RECIFE/PERNAMBUCO. E outros atos terroristas, praticados peloshomenageados. Fizemos o registro do local daquele atentado com os nomes da Cidade e doEstado com letras Maiúsculas, por dois motivos: - o 1º, porque Pernambucotem três senadores que não protestaram contra a omissão daquele atentado,talvez porque nada sabem sobre a história de Pernambuco, ou porqueconcordaram com o atentado, ou porque nem o jornalista nem o Almirante quemorreram, nem o jogador de futebol que perdeu uma das pernas, ou nenhum dosmuitos feridos, entre estes uma criança, era parente deles. E pior, umdestes Senadores, o mais idoso, sempre pertenceu à ARENA, partido queapoiava a Revolução 1964; - o 2º, porque o atentado contra o Aeroporto deGuararapes foi praticado em 1966, quando o Presidente Castello Branco jádava os irrefutáveis e seguros passos em busca da pacificação nacional, comos exemplos das eleições de Negrão de Lima, no Rio de Janeiro e IsraelPinheiro, em Minas Gerais, politicamente opositores do seu governo, sobre oque desafiamos que alguém nos aponte algo semelhante, ocorrido em qualquerDitadura Comunista.E aqui, perguntamos: 1- Não é de lamentar-se que senadores de Minas e doRio não se recordem da História e não tenham feito qualquer ressalva àidéia puramente revanchista da citada galeria? Ou será que desconhecem adisposição conciliatória de Castello, nas eleições do Rio e de Minas,inusitada em qualquer Ditadura? 2 - Será que nenhum senador considerou oato do Gen Geisel, que iniciou a abertura política, exonerando do Comandodo II Exército um General de reconhecido valor e prestígio, insatisfeitocom as notícias de maus tratos a presos políticos em S.Paulo? 3 - Será quenenhum senador considerou que a galeria significa revanchismo deterroristas comunistas, revoltados pela derrota em 64, que os impediu deacabar com a Democracia no País? Aí é que está a diferença, que boa partedos senadores não entende ou não quer entender. O Governante para resolveruma situação de risco, tem que agir com a Razão e não com o Coração. Tantoisto é verdade que a abertura política continuou e foi concretizada comabsoluto êxito. 4 - E omisso ficou o senador da ARENA, até o final dosGovernos Militares, e que após a morte de Tancredo, sendo o candidatoeleito a Vice-Presidente, só foi mantido como sucessor - e Presidente doBrasil, devido à firme interferência do Gen. Leônidas Gonçalves, escolhidopara Ministro pelo Presidente eleito, Tancredo Neves? E sobre todos os senadores: será que nenhum deles sabe o que a históriaregistra e ensina que o Movimento iniciado por estudantes no Brasil em1968, nada mais foi do que um dos braços do movimento planejado e iniciadopelo Comunismo Internacional, a partir da França, no sentido de procurarlevar pela Luta Armada a Ditadura Comunista ao Poder em todo o Mundo, oupelo menos, aumentar e muito este domínio como já se firmara no LesteEuropeu, em grande parte da Ásia, e em Cuba na América Latina?E para encerrar, um fato deste mês, de outubro de 2008: - segundo onoticiário, em Bali, Indonésia, 03 (três) Terroristas foram condenados àmorte por fuzilamento. Por que, aqui no Brasil, em uma Democracia, comsenadores que se dizem Democratas, os Terroristas, Assassinos eSeqüestradores, até de Embaixadores de Nações Amigas, são homenageados eexaltados pelos seus feitos, merecendo lugar Permanente de Destaque dentrodo próprio Senado Federal? Por que os Senadores não convidaram osEmbaixadores dos EUA e SUIÇA, dois exemplos de séculos de Democracia paraparticiparem da inauguração? Mas, pelo que se viu na Imprensa, até oMinistro do Governo Lula, Franklin Martins, um dos terroristasseqüestradores do Embaixador Americano, sabido revanchista, presente,apoiava o evento. Caráter, Verdade e Coragem são predicados que se exigem dos senadores daRepública.ESTAMOS VIVOS GUARARAPES! PERSONALIDADE JURÍDICA sob reg. Nº 12 58 93,Cartório do 1º registro de títulos e documentos, em Fortaleza. Somos 1.580CIVIS - 48 da Marinha - 460 do Exército - 46 da Aeronáutica; total 2.134.In memoriam32 militares e 2 civis. batistapinheiro30@yahoo.com.br
28de outubro de 2008


E OS CUBANOS DEPORTADOS?!

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

A PM DEFENDE OS PM?

Quem sou eu